Vendas: (16) 3605 5599               SAC: 0800 885 7600
Atendimento via WhatsApp Atendimento via WhatsApp

Cooperativismo

O cooperativismo é um modelo socioeconômico atual, pois incentiva a economia colaborativa, com compromisso público em favor do desenvolvimento econômico, do bem-estar social e do respeito ao meio ambiente.
Uma cooperativa é uma forma moderna e segura de empreendedorismo, no qual tanto perdas quanto ganhos são divididos entre os associados, reduzindo os riscos de instabilidade no sistema econômico global.
É graças a práticas como justiça, igualdade, ajuda mútua e autossustentabilidade que o Sistema Cooperativo tem sido capaz de gerar crescimento sustentável e criar milhões de empregos.

O cooperativismo surgiu em meados de 1844, no interior da Inglaterra. Na ocasião,
28 pessoas tiveram a ideia de se reunir para montar um armazém próprio, realizando compras conjuntas em grande quantidade e compartilhando-as de forma igualitária.
Assim nasceu a Sociedade dos Probos de Rochdale, a primeira cooperativa do mundo moderno, com princípios que até hoje formam a base do cooperativismo, tais como: honestidade, solidariedade, igualdade e transparência.

No Brasil, a criação da primeira cooperativa de consumo de que se tem registro foi em Ouro Preto (MG), no ano de 1889, a Sociedade Cooperativa Econômica dos Funcionários Públicos de Ouro Preto. Em 1969 surge a Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB), uma sociedade civil e sem fins lucrativos, com neutralidade política e religiosa, defensora dos direitos do cooperativismo nacional.

Os 7 princípios do cooperativismo

1º Adesão Voluntária e Livre: Qualquer pessoa pode se associar a uma cooperativa, sem qualquer discriminação, desde que esteja alinhada ao seu objetivo econômico, e disposta a assumir sua responsabilidade como membro.

2º Gestão Democrática: Todos os membros participam ativamente na formulação de suas políticas e na tomada de decisões.

3º Participação Econômica dos Membros: Em uma cooperativa, os membros contribuem equitativamente para o capital da organização.

4º Autonomia e Independência: As cooperativas são organizações autônomas, de ajuda mútua, controladas por seus membros.

5º Educação, Formação e Informação: Comprometimento em promoção da educação e formação de membros e colaboradores que possam contribuir para o desenvolvimento dos negócios e, consequentemente, dos lugares onde estão presentes.

6º Intercooperação: Cooperativismo é trabalhar em conjunto.
É assim, atuando juntas, que as cooperativas dão mais força ao movimento servem de forma mais eficaz aos cooperados.

7º Interesse pela Comunidade: Contribuir para o desenvolvimento sustentável das comunidades é algo natural ao cooperativismo.

Esse site utiliza cookies para viabilizar a sua navegação, gerenciar suas funcionalidades e aprimorar sua interação com nossos produtos e serviços. Todos os cookies, exceto os estritamente necessários, precisam de seu consentimento para serem utilizados.
Para saber mais visite a nossa Política de Privacidade e Proteção de Dados.

Esse site utiliza cookies para viabilizar a sua navegação, gerenciar suas funcionalidades e aprimorar sua interação com nossos produtos e serviços. Todos os cookies, exceto os estritamente necessários, precisam de seu consentimento para serem utilizados.
Para saber mais visite a nossa Política de Privacidade e Proteção de Dados.