Primeiro Congresso Nacional de Órteses e Próteses reuniu em RP autoridades nacionais para discutir o futuro do setor


No último final de semana, de 19 a 21 de novembro, no Hotel JP em Ribeirão Preto aconteceu o 1º. Congresso Nacional de Órteses e Próteses com a participação de cerca de 400 inscritos e importantes membros da área médica e do Sistema Unimed, do Conselho Regional de Medicina, da Justiça Federal, da CPI da Câmara Federal, do Ministério Público Estadual, Diretoria do Hospital Albert Einstein, Diretoria do SENACON e da diretoria da ABRAMGE.

Realizado pela Unimed Federação Nordeste Paulista e pela FESP - Federação das Unimeds do Estado de S. Paulo - o congresso foi um grande marco para o setor e já conta com a confirmação da segunda edição no próximo ano.

Entre os principais temas abordados, podemos destacar as distorções na cadeia de utilização, as novas tecnologias em Cardiologia Intervencionista e casos de sucesso, as novas tecnologias em Ortopedia e Monitoramento de Implantes e o impacto de novos custos. Outro ponto muito importante e bastante discutido foram as estratégias para redução de custos, além das novas tecnologias e dos casos de sucesso.

Na quinta-feira, dia 19 de novembro, na solenidade de abertura do Congresso, os temas foram apresentados, como também os organizadores e Coral da Unimed de Araraquara, que encantou o público presente.


Na foto, Dr. Valdmário Rodrigues Junior – Diretor Integração Cooperativa e Mercado Unimed do Brasil, Dr. Antonio Luiz Chaguri – Diretor de Mercado Unimed Fesp, Dr. Eudes de Freitas Aquino – Presidente Unimed do Brasil, Dr. Tajumar Custódio Martins – Presidente Unimed Federação Nordeste Paulista, Dr. José Martiniano Grillo Neto – Presidente Unimed FESP, Dr. Otto Cezar Barbosa Junior – Vice-Presidente Unimed Federação Nordeste Paulista e Dr. Álvaro Afonso Truite – Presidente Unimed Ribeirão Preto compuseram a mesa na cerimônia de abertura.




Home
Notícias